Democracia, cidadão e política

international_day_of_democracy[1]Aproveitando esse atual cenário da política brasileira onde palavras não muito corriqueiras passamos a ouvir quase que diariamente fazendo com que as tornem comum, porém, é importante saber quais seus significados.
Democria, “demokratia” ou “governo do povo”,  termo criado a partir do  (dñmos) ou “povo” e (Krátos) ou “poder”  no século V a.C. para denotar os sistemas políticos então existentes nas “cidades-Estados-Gregas”, principalmente Atenas considerada a cidade berço da “demokratia”. O termo é considerado antônimo para  “àpistokpatia” (aristokratia regime de uma aristocracia) como seu nome indica. Embora, teoricamente estás definições sejam opostas, na prática, a distinção entre elas foi obscurecida historicamente. No sistema político da Atenas clássica,  por exemplo, a cidadania democrática abrangia apenas homens, filhos de pais e mãe atenienses livres e maiores de 21 anos, enquanto estrangeiros, escravos e mulheres eram grupos excluídos da participação política.  Em praticamente todos os governos democráticos em toda a história antiga e moderna, a cidadania democrática valia apenas para uma uma elite de pessoas, até que a emancipação completa foi conquistada para todos os cidadãos adultos na maioria das democracias modernas através de movimentos por sufrágio universal durante os séculos XIX e XX.
O sistema democrático contrasta com outras formas de governo em que o poder é detido por uma pessoa, como por exemplo na Monarquia absoluta,  onde o poder é mantido por um pequeno número de indivíduos,  como em uma oligarquia.  No entanto,  essas oposições, herdadas da filosofia grega são agora ambíguas porque os governos contemporâneos tem misturado elementos democráticos, oligárquicos e monárquicos em seus sistemas políticos. “Karl Popper”, definiu a democracia em contraste com ditadura e tirânica,  privilegiando,  assim, oportunidades para as pessoas de controlar seus “líderes” e “tirá- los” do cargo sem a necessidade de uma revolução.
Uma das formas de democracia é a democracia direta, em que todos os cidadãos elegíveis tem participação direta e ativa na tomada de decisões do governo. Na maioria das democracias modernas, todo o corpo de cidadãos elegíveis permanece com o poder soberano, mas o poder político é exercido indiretamente por meio de representantes eleitos, o que é chamado de “democracia representativas”. O conceito de democracia representativa surgiu em grande parte a partir de ideias e instituições que se desenvolveram durante períodos históricos como aIdade Média, européia, a Reforma Protestante,  e o movimento iluminista,  as revoluções Americana e Francesa.

Comentários

Comentários